Tricotilomania o que é ?



Por
Reghiane Silva - Da série VOCÊ SABIA ?





Artigo escrito pela Dra. Juliana Spinelli Ferrari
Graduada em psicologia pela UNESP - Universidade Estadual Paulista 



O que é Tricotilomania?


A Tricotilomania é definida como um transtorno de controle de impulsos não especificado, o que quer dizer que seus sintomas e tratamentos ainda não estão totalmente definidos, além de sinalizar especialmente a característica de impossibilidade de controle diante do impulso.
Nesse caso, o impulso incontrolável é o de arrancar cabelos. É importante ressaltar que o termo cabelo, utilizado para essa definição, vem do termo hair, do inglês, que pode significar qualquer pelo. Assim, o transtorno inclui o hábito de arrancar cabelos de qualquer parte do corpo.

Arrancar cabelos dos cílios
Arrancar cabelos das sobrancelhas
Arrancar cabelos da cabeça 


Como se faz o diagnóstico?

Apesar de se tratar de um transtorno não especificado, alguns critérios são propostos para diagnosticar esse transtorno:

  • Comportamento recorrente de arrancar os cabelos, resultando em perda capilar perceptível.
  • Sensação de tensão crescente, imediatamente antes de arrancar os cabelos ou quando o indivíduo tenta resistir ao comportamento;
  • Prazer, satisfação ou alívio ao arrancar os cabelos;
  • O distúrbio não é mais bem explicado por outro transtorno mental nem se deve a uma condição médica geral (por exemplo, uma condição dermatológica);
  • O distúrbio causa sofrimento clinicamente significativo ou prejuízo no funcionamento social ou ocupacional ou em outras áreas importantes da vida do indivíduo.

Quais são as causas?

Entre as causas do início do comportamento de arrancar cabelos podem estar alguns fatores pessoais como o início dos ciclos menstruais na adolescência (menarca), algumas doenças clínicas, dificuldades de relacionamento social, dificuldades no trabalho ou na escola, situações familiares como divórcio, morte ou doença de um ente, nascimento de um irmão ou mudanças na dinâmica familiar, como um novo endereço.
O comportamento de arrancar cabelos está, em grande parte dos casos, associado a posturas sedentárias, aliadas a estados afetivos negativos. Entre as atividades associadas estão os hábitos de pessoas que, por exemplo, passam longos períodos assistindo televisão, deitados, ou ainda, dirigindo. É importante ressaltar que o sedentarismo é uma postura associada, mas não é considerada uma causa para a tricotilomania.


Quais são os tratamentos?

O tratamento para Tricotilomania compreende estratégias multidisciplinares. Assim, deve-se levar em consideração a importância do acompanhamento farmacêutico, psicológico e médico.



Dra Juliana Spinelli Ferrari , seu artigo é um espetáculo , me deparei com ele na INTERNET e achei muito interessante , por isso compartilhei com minhas leitoras e seguidoras que na maioria são mulheres , muito Obrigada a Brasil Escola , por ter uma coluna tão informativa.





Comentários

  1. realmente isto é sério, um acompanhamento psicológico é fundamental
    www.portaldebeleza.com

    ResponderExcluir
  2. e um tratamento para alopécia vcs sabem me dizer se ja tem algum que de resultados para o nascimento dos fios

    ResponderExcluir
  3. Um assunto bem sério, até porque se torna um tipo de compulsão né? Principalmente por ser algo ligado ao emocional, meche muito com a auto estima da pessoa né? Acho que nessas horas a gente tem que ter principalmente muito apoio de família e entes queridos, para auxiliar nesse apelo mais emocional! Adorei o post, sempre bom conhecer sobre esse tipo de coisas, ás vezes vemos esse tipo de coisas por ai, e julgamos sem saber o que há por trás não é? Ótimo post, parabéns ;)

    Beijos.
    www.babybelchior.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas