Pilates ou Musculação ?

Por:






A resposta é simples! Pilates é ótimo, musculação também, e juntos são excelentes!

Musculação

A MUSCULAÇÃO é uma forma de exercício contra-resistência, para o treinamento e desenvolvimento dos músculos esqueléticos. Utiliza a força da gravidade (através de barras, halteres, peso ou o peso do próprio corpo) e a resistência gerada por equipamentos, para opor forças aos músculos que, por sua vez, devem gerar força oposta através de contrações musculares, Contração excêntrica e concêntrica são fases do exercício, onde a fase concêntrica é aquela na qual você está vencendo a força da gravidade mais o peso que está sendo levantado, é o momento em que o músculo está encurtando. Agora a excêntrica é o retorno, fase na qual você está resistindo para que o peso não volte de uma vez só, momento onde o músculo está alongando. Exercícios isométricos contraem o músculo, desenvolvendo sua tensão, sem, no entanto, provocar nenhuma alteração em seu comprimento. 
Ao longo do tempo promove vários benefícios à saúde e ao corpo. proporciona mais qualidade de vida e bem-estar, pois evita o aparecimento de diversas doenças.
Na musculação os aparelhos oferecem praticamente quase toda a estabilidade do corpo, E O OBJETIVO MAIOR é o ganho de massa muscular, hipertrofia.

Pilates



Já no PILATES o treinamento físico e mental, associado com a respiração, trabalha muito a flexibilidade, alongamento e melhora do tônus muscular que é o estado de tensão elástica do músculo em repouso o que consequentemente melhora a postura,
Para fazer os exercícios de pilates podemos usar somente o peso do corpo a resistência elestica e das molas.
Assim, o elástico as molas exigem tanto da articulação que está sendo exercitada especificamente como da estabilidade do corpo como um todo, tornando mais difícil o trabalho com grandes sobrecargas e há um estímulo sensório-motor muito maior do que no trabalho de musculação.
A chave principal do exercício é a qualidade dos movimentos e não a quantidade ou carga, e pra isso buscamos trabalhar um grupo muscular especifico, como por exemplo bíceps, associando com a estabilização do tronco e alongamento. Ao invés do aluno sentar no aparelho e fazer um movimento de flexão e extensão do cotovelo, ele pode fazer o mesmo movimento em pé, com leve flexão de tronco e alongamento das pernas.
Lembrando que tanto o PILATES, quanto a MUSCULAÇÃO, são atividades complementares e não só podem como devem ser associados.

Assim como várias outras modalidades de exercícios :


corrida X pilates
 caminhada X pilates
 corrida X musculação
 caminhada X musculação
 natação X pilates
 natação X musculação


Movimente-se!!!

Comentários

  1. Nossa ótima essa dica , adorei de verdade esse post!

    www.aneehalves.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada minha linda , estamos a disposição se precisar de alguma dica e informação mais detalhada !!!

      Excluir
  2. Olá, sou fisioterapeuta, professora de Pilates e adorei o post, vou indicar aos meus alunos. Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Obrigada meninas, semana que vem tem mais post sobre Pilates será vcs, Bjs Lilian Osés

    ResponderExcluir
  4. Semana que vem teremos mais novidades, fiquem ligadas! bjs

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo o artigo, é interessante deixar claro os benefícios que as duas atividades proporcionam para o corpo, pois ainda existe muitas pessoas que não acreditam nos benefícios que o pilates proporciona, e que se conciliar os dois os resultados serão ainda melhores, como faço os dois posso falar! Bjos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas